sábado, 25 de fevereiro de 2012

PRATA DA CASA! PROJETO: CIDADÃO LEGAL “NOSSA VIDA NA ESCOLA”


JUSTIFICATIVA


   A escola é uma instituição social, e como tal é fruto de uma cultura com suas crenças e valores, o que determina normas, regras de comportamento. Os valores formam o sustentáculo da escola.   Quando os valores são claros e aceitos, os conflitos diminuem no cotidiano escolar e são fundamentais para que uma escola funcione harmoniosamente. Os educadores e todos os profissionais ligados à educação, bem como os educandos e seus familiares, de acordo com sua formação, trazem influências próprias que repercutem nas crenças e valores da escola, cristalizando dessa forma sua cultura.
 
   Acredita-se que através dos valores será possível melhorar a qualidade de vida do educador quanto do educando, da família, pois inúmeras atividades permitem a expressão de sentimentos, a revisão de comportamentos, a tomada de decisões, a valorização do outro, das várias etnias, a importância do respeito, a importância dos limites, lições de solidariedade, ética e cidadania.

METODOLOGIA
 

 







Ø  Questionamentos, reflexões e debates;
Ø  Técnicas de dinâmica de grupo;
Ø  Produção de cartões, cartas, cartazes, painéis, histórias em quadrinhos, poemas, entrevistas, relatórios, textos narrativos, fábulas; vídeos, etc.
Ø  Pesquisas e observações;

OBJETIVOS:

Ø  Resgatar atitudes de cooperação, participação, responsabilidade, altruísmo, tolerância, sensibilidade, comprometimento, mostrando que é possível abandonar a intolerância, a agressividade, os atos de transgressão, para o nascer e florescer da PAZ que habita o interior de cada um de nós.
Ø  Ajudar o aluno a construir valores de vida que favoreçam a boa e harmoniosa convivência, proporcionando o desenvolvimento de atitudes positivas que contribuem para um desenvolvimento saudável;
Ø  Associar o conhecimento escolar com a vida prática;
Ø  Expressar idéias, sentimentos, medos, opiniões.




Ø  Trocar experiências e partilhar o conhecimento adquirido, oportunizar questionamentos, reflexões e ações capazes de estabelecer limites, resgatar o respeito, a solidariedade, o diálogo, e a justiça;


Ø  Saber viver melhor dentro do ambiente escolar, que deve ser de aprendizagem, troca e solidariedade mútuas;
 
Ø  Interagir com os colegas, relatando suas idéias e respeitando as idéias dos outros;
Ø  Dispor-se a buscar soluções pacíficas para os problemas, de forma individual e coletiva;
Ø   Saber ouvir os outros em diferentes situações;
Ø  Resolver os conflitos sem brigar, procurando controlar sua impulsividade;

CONCLUSÃO
   Ao término do projeto, talvez possam observar que os resultados não foram imediatos, pois a questão dos valores é subjetiva e depende de tempo, exemplos diários, vivências, estrutura familiar e social, justamente o que a clientela possui maior carência.

Resgatando a imaginação e a fantasia, o educando fomentará sonhos alimentarão expectativas, delinearão objetivos e metas, desenvolverão atitudes favoráveis, o que permitirá a ele encontrar soluções para muitos dos problemas que o cerca, tanto no âmbito pessoal como no coletivo, intervindo, transformando a sua realidade, permitindo-se ser efetivamente um verdadeiro cidadão.

 



 Projeto realizado com alunos do 5º e 6º anos das Séries Iniciais do Ensino Fundamental - Escola Municipal Pio XII - Charqueadas/RS pela professora Tânia Beatriz Selbach jadoski - Pedagoga - Orientadora Educacional.





Nenhum comentário:

Postar um comentário